fbpx

Snuff – Vítimas do prazer (1977)

Sinopse

Michael Tracey e Bob Channung, inescrupulosos produtores de filmes pornográficos, vêm ao Brasil para realizar um filme do gênero snuff, película clandestina que alcançou enorme sucesso nos circuitos pornôs de Nova York, graças a cenas reais, onde as atrizes eram estupradas e assassinadas em cena, sem nenhum truque. Contratam dois técnicos brasileiros que, como quase todos os bons técnicos do cinema nacional, estão às portas da falência, Organizam a produção e arregimentam o elenco: Taty Ibanez, atriz em decadência, que fora a rainha dos filmes de cangaço; Glória Verdi, figurante de teatro; Maria Rosa, candidata a Miss São Paulo; Lia de Souza, stripper da Boca do Lixo de São Paulo; o ator Sérgio Bandeira, apanhado num sanatório. Daí a máquina da fatalidade começa a rodar e as mortes reais vão acontecendo de forma surpreendente e inesperada, causando pânico geral na equipe de produção.

Elenco

Carlos Vereza
Rossana Ghessa
Canarinho
Nadir Fernandes
Hugo Bidet
Maria Graciela
Fernando Reski
Roberto Miranda
Lúcia Alivim
Martie Suara
Sérgio Hingst
Walter Prado
Patrícia Célere
Fátima de Jesus
Geraldo Louzano
Cláudio Cunha
Aparecida de Castro
Xuxa Lopes
Paulo Munno
Carlos Rojas
Alaor Santos
Patrícia Americana
Regina Nogueira
Maria Odete
Patrícia Gomes
Vera Lúcia Meio

Ficha Técnica

Título Original: Snuff, Vítimas Do Prazer
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 109 min.
Ano de Lançamento (Brasil): 1977
Distribuição: Ouro Filmes
Direção: Cláudio Cunha
Assistente de direção: Carlos Shintomi
Roteiro: Carlos Reichenbach e Cláudio Cunha
Produção: Carlos Duque
Produtor associado: Pedro Martunez
Co-produção: Kunema Produtora e Distribuidora de Filmes e Publicidade e A.R.M. Produções Cinematográficas
Música: Cláudio Cunha
Fotografia: José Roberto Buzzini
Desenho de Produção: Waldir Siebert
Edição: Sylvio Renoldi
Assistente de edição: Pedro J. Garcia
Título: J. Maurício Sanches

Bibliografia

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.