fbpx

Vila da Barca (1968)

Sinopse

Documentário de curta metragem sobre a favela construída sobre palafitas em Belém do Pará (1964-65), prêmio de melhor documentário no Festival Internacional do Filme de Curta Metragem de Leipzig, Alemanha Oriental (1968) foi o primeiro filme de Renato Tapajós.

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Vila da Barca que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Renato Tapajós
Roteiro:
Produção: Abílio Couceiro
Montagem: Maurice Capovilla, João Batista de Andrade e Renato Tapajós
Assistente de Direção: Lais Furtado
Imagem: Fernando Melo, Cinematográfica Bandeirantes
Som: Odil Fonobrasil
Montagem do Negativo e Som: Sylvio Renoldi

Colaboração:
Cláudio Barradas
Isidoro Alves
Acyr Castro
Poty Fernandes
José da Silva Marreco

Bibliografia

Fontes de Referência

Livros:

Internet:

CINEMATECA PARANAENSE. Vila da Barca de Renato Tapajós. Disponível no endereço: http://cinematecaparaense.org/2010/06/18/vila-da-barca-de-renato-tapajos/
CINEMATECA PARANAENSE. Filme do mês ago. 2015: Vila da Barca de Renato Tapajós. Disponível no endereço: https://cinematecaparaense.wordpress.com/2015/08/24/filme-do-mes-ago-2015-vila-da-barca-de-renato-tapajos/
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Vila da Barca. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/vila-da-barca/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.